Como Iniciar a Educação Financeira de Seus Filhos

Muitos pais, em uma determinada fase da vida, começam a se perguntar como e quando iniciar a educação financeira de seus filhos. Neste artigo, algumas dicas serão reveladas, para ajuda-los.

 

É preciso que você se prepare e invista na sua educação financeira primeiro, afinal para educar seus filhos, é preciso entender todo o processo de educação financeira, para depois compartilhar e ensina-lo.

 

Inicie educação financeira, quando seu filho começar a demonstrar desejos próprios, ensine a relação do dinheiro por troca de produtos. Demonstre, que para ter um determinado produto, precisa abrir mão de outro, não dá para comprar tudo que ele quer.

Converse com seu filho, incentive-o a entender sobre economia, através de jogos, brincadeiras. Leve-o ao mercado e de exemplos, deixe ele participar de todo o processo, compra, pagamentos.  Ensine-o que para comprar, certo produto é preciso do dinheiro. Por isso trabalhamos para receber dinheiro e comprar comida, coisas para casa entre outros.

Outra forma interessante, para fazer seu filho aprender, sobre educação financeira, é criar uma tabela de tarefas diárias em casa, e cada tarefa cumprida ele recebe x por aquilo. Isso facilita a compreensão dele. Ele começa a associar, que para ter dinheiro é preciso trabalhar, que o dinheiro não aparece do nada.

 

Não ofereça uma mesada sem nenhuma estratégia, voltada para educação financeira. Ao invés de aceitar e dar mesada ao seu filho, porque não motiva-lo a produzir algo, que realmente ele tem interesse?

 

Incentive-o a guardar o dinheiro, ensine-o a comprar apenas o necessário, sem supérfluos. Uma forma simples de incentiva-lo a guardar dinheiro, é compartilhando sonhos a longo prazo. Converse com ele, sobre algo que deseja ter daqui um tempo, e mostre que para ter o que deseja é preciso guardar e juntar dinheiro.

Não dê tudo que seu filho pede, mostre que aquilo tem um custo, explique, tenha uma conversa bem clara sobre o valor, que precisa poupar. No entanto, Só tem como comprar algo em um valor que cabe no seu bolso. Deixe ele refletir sobre, e procurar alternativas do valor que você informou.

A criança precisa entender que não podemos comprar tudo, diga NÃO também. Quando vier te pedindo para comprar um brinquedo que viu na televisão, diga não e explique o motivo. É muito importante a criança entenda, que não pode ter tudo o que quer e quando quer.

Evite dar presentes, fora de datas comemorativas, para a criança entender que não é toda hora que podemos comprar presentes, apenas em algumas datas comemorativas. Assim ela dará mais valor e aprende a esperar.

Seja honesto com seu filho, se ele está curioso em saber quanto você ganha, fale a verdade.

Ele precisa entender que você recebe um valor determinado, e por isso tem certas prioridades na hora de gastar o dinheiro, como alimentação, saúde e educação e o restante é preciso poupar, e em alguns momentos utilizar para lazer, entre outras coisas

Lembre-se você é o exemplo para seu filho, então se consome muita coisa supérflua e ele convive e vê isso, não adianta falar que ele não pode. Afinal você está fazendo, porque ele não pode fazer?

Com essas dicas, seu filho aprendera a ser um adulto mais consciente e dar mais valor ao dinheiro, além de saber gerenciar e planejar.